sábado, 21 de outubro de 2006

Porque a beleza te escolheu
Para se representar
O MUNDO pode ser seu
Você só deve ser ou estar


Porque o BELO te elegeu
Para se mostrar
O mundo quer te pertencer é só você querer
Ou desprezar



Comigo NÃO belíssima
Com truques NÃO belíssima
Comigo nada menos do que você me deixou entrever
Por trás do aço do reflexo
Que te faz embevecida

PORQUE a beleza te escolheu

PARA se representar

O mundo pode ser SEU

VOCÊ só deve ser ou estar

Porque o belo te elegeu

Para se mostrar

O mundo quer te pertencer, é só você querer

OU desprezar

ComiGo NÃO bessima

Com truQues não bessima

Comigo nada MENOS do que VOCÊ me deixou entrever

Por trás do aço do reflexo

Que te faz embevecida

Comigo não belíssima

Com truques não belíssima

Comigo nada menos do que VOCÊ ME DEIXOU ENTREVER

Por trás do aço do REFLEXO

Que te faz embevecida

(letra: Belíssima, de Ney Matogrosso //

fotos de Pensiero)

4 comentários:

claudynius disse...

Gosto da musica e poesia de Ney Matogrosso. Mas, (para mim...) além de poeta e músico, ele é o verdadeiro One man show. Lembro nos anos de 73/74 (?) a forma como ele dava “corpo” e voz à "Rosa de Hiroshima" de Vinícius de Moraes.

Um resto de bom Sábado

Rosalina disse...

verdade, claudynius. também gosto.

Cristina disse...

belissimo:))))

Rosalina disse...

'gratias', cristina.