segunda-feira, 5 de fevereiro de 2007


NÃO SE DEVIA DIZER, NEM ESCREVER, MAS...

Eles interviram bastante no debate!

Para quem não tenha hábitos de leitura e o estudo da gramática já vá muito longe no tempo, a frase em epígrafe soará correcta. Mas não está!


É um facto que 'interviram' soa mais próximo de intervir que intervieram...

Mas não devemos esquecer que intervir é um verbo composto de vir, logo a terceira pessoa do plural é vieram. Aliás o verbo 'interver' não existe, assim a forma 'interviram' nunca deveria ser dita ou escrita.

Assim, falando e escrevendo correctamente teremos:


Eles intervieram bastante no debate!

_________________________________________
E como muito bem lembrou o Alien nos comentários, o mesmo se passa com o singular:
Aproveito para lembrar o parente "ele interviu", que também não está mal lembrado, e se ouve (ou houve:) tanto por aí!

4 comentários:

Alien8 disse...

Rosalina,

Claro que devias! Aproveito para lembrar o parente "ele interviu", que também não está mal lembrado, e se ouve (ou houve:) tanto por aí!

Um beijo.

P.S.: Por onde andas?

Cristina disse...

Obrigada Rosalina:)

gosto muito destas tuas explicações:)))) porque não fazes um blog de "bom português"?? eu quero um lugar na primeira fila;), não há nenhum, há??

beijocas

Rosalina disse...

é verdade, alien. exemplifiquei com o plural, mas o erro também é frequente com o singular. vou acrescentar o teu comentário. ;)

___________

por onde ando?

por aqui. sempre por aqui. :)

Rosalina disse...

já pensei nisso, cristina...

aliás, eu crio e (des)crio blogues a uma velocidade incrível. acabo sempre por manter os 4 primeiros e os outros são assimilados, de certa forma, pelo carpe, que permite isso.

é um pouco o que se passa com esta rubrica.

em princípio, todas as segundas haverá uma nota sobre o "bom português". e agora com os marcadores é fácil a aceder a todos os posts.

talvez, lá mais para diante faça qualquer coisa gira sobre a língua portuguesa. mais completa. ;)

beijocas.