terça-feira, 27 de fevereiro de 2007


.
.
Os entretenimentos dos pretendentes

Entregaram-se então à dança e ao canto deleitoso,
e assim gozavam, à espera que anoitecesse.
E ainda neste gozo os achou a tarde umbrosa.


(Odisseia, XVIII, 304-306,

trad. de Maria Helena da Rocha Pereira)


_____________________

belo seria, se todas as esperas assim fossem: deleitosas...

2 comentários:

Abssinto disse...

Eh la, muito vinho e uvas à mistura, e tal... ;)

rosalina disse...

os antigos sabiam-na toda, abssinto. ;)